Polícia Civil recupera gados roubados na região

0
41
A delegada Juliana Fiúza concedeu coletiva na manhã de ontem para dar detalhes da investigação FOTO: Assessoria de imprensa Polícia Civil

Após intensa investigação, a Polícia Civil de Governador Valadares conseguiu apurar um roubo de gado que ocorreu recentemente na zona rural da cidade de Nacip Raydan. Ao todo foram recuperadas 22 cabeças de gado roubadas no dia 21 de novembro. De acordo com a delegada Juliana Fiúza, coordenadora da Delegacia Patrimonial, participaram da ação criminal três indivíduos, sendo que um ficou dentro de um caminhão-gaiola próximo da porteira enquanto outros dois dominaram o vaqueiro, que estava sozinho. Pela investigação, ficou apurado que a ação dos bandidos foi violenta constando de ameaças e agressões. Para facilitar a ação, os bandidos amordaçaram o vaqueiro e tiveram tranquilidade para tocar o gado e colocá-lo no caminho para depois fugir tomando rumo ignorado.

Tão logo tomou conhecimento do fato, a equipe da delegada iniciou a investigação descobrindo que o gado foi trazido para uma fazenda próximo a Governador Valadares. Na sequência, foi identificado o motorista do caminhão e quem teria vendido os animais para um comprador de gado da região. Ao saber da investigação, o comerciante procurou a polícia espontaneamente e revelou que não sabia do roubo. Em depoimento, ele confirmou a data de aquisição, com quem havia negociado e onde ele havia feito a vistoria, pesagem e marcação do gado.

O comerciante E.N.C.S. também se comprometeu à delegada em devolver os animais à vítima ficando como depositário fiel até que fosse resolvido o trâmite para o transporte do gado.“A Polícia Civil vem tentando combater o roubo de gado na região e faço um alerta às pessoas que negociam gado: procurem ir ao local onde os animais estão para verificar se os animais estão marcados e sempre concluam a negociação diretamente com o proprietário dos animais, a fim de evitar a compra de animais de origem ilícita”, ressalta a delegada.

Ainda segundo a Dra. Juliana, as investigações irão continuar sendo que acerca da dinâmica do roubo ficará a cargo da Delegacia de Nacip Raydan, com o delegado Rômulo Quintino.Até o final da tarde de ontem nenhum dos suspeitos haviam sido presos, mas a equipe da Polícia Civil continua as investigações a fim de localizá-los.